quarta-feira, 18 de janeiro de 2017

Banco do Nordeste cancela abertura de nova agência em Parnaíba

A segunda agência do Banco do Nordeste do Brasil S/A (BNB S/A) prevista para se instalar na Avenida Pinheiro Machado, em Parnaíba, não mais irá abrir suas portas.
O Banco do Nordeste informou, no final de semana, que seu conselho de administração aprovou a desativação de 19 agências da instituição. No Piauí, o único fechamento comunicado oficialmente foi o da agência do bairro Jóquei Club, na zona Leste de Teresina.
Quanto as novas agências que seriam abertas nas cidades Castelo do Piauí, Canto do Buriti, Santa Filomena, Picos e Parnaíba não irão mais abrir as portas.

Jornal da Parnaíba
Edição: Proparnaiba.com

terça-feira, 17 de janeiro de 2017

Polo sindical de Parnaíba tem novo coordenador

Foi realizada nesta sexta-feira (13) no auditório do Sindicato dos Trabalhadores(as) Rurais (STTR) de Paranaíba, litoral do Piauí, a eleição provisória do novo coordenador do Polo Regional de Paranaíba. Duas chapas disputaram a preferência dos onze STTR’s da região. Inácia Portela do sindicato de Caraúbas e Elias Carvalho de Buriti dos Lopes, que venceu por 14 a 8 votos.
Os trabalhos foram abertos pelo presidente do STTR de Parnaíba, Francisco das Chagas Ribeiro da Silva (Veim). E sob a coordenação da Fetag-PI, representada pelo Secretário Geral, Antônio José, Secretária de Formação, Maria Barros e o Secretário de Política Agrária, Devaldo Nunes o novo coordenador do polo, após ser eleito, foi empossado.
O evento se deu, devido ao afastamento por tempo indeterminado do até então coordenador, Raimundo Nonato Rabelo (Nona), que assumiu a Secretaria Municipal de Administração do município de Caraúbas.
“Foram seis anos à frente da coordenação do polo. Agradeço o apoio e acolhida dos STTR’s durante nosso mandato. Quero dizer que nosso objetivo sempre foi atender as necessidades dos nossos trabalhadores(as) rurais”, disse Nona.
Elias Carvalho se comprometeu com os sindicatos e disse que vai estar sempre à disposição para defender os direitos do homem e da mulher do campo.

Fonte: Fetag PI

Oliveira Júnior visita Escola destaque em Cocal dos Alves-PI

O Prefeito Oliveira Junior acompanhado com a Primeira Dama Márcia Fernanda, Secretário Municipal de Educação Profº Ely Sandro e sua equipe de coordenadoras, visitaram na manhã do dia (12) a escola pública de referência nacional em educação de qualidade (Augustinho Brandão) no município de Cocal dos Alves-PI. Onde foram bem recebidos pela Secretária Municipal de Educação Profª Aurilene e o Profº Amaral.
Para o prefeito Oliveira Júnior, a educação realmente se faz com compromisso, disse ainda que a Escola Augustinho Brandão é um grande referencial, na busca de resultados positivos que contribuirá para elevar a qualidade da Educação em Miguel Alves.
Fonte: Meio Norte

segunda-feira, 16 de janeiro de 2017

Prefeitura de Cocal promove quadrangular de Futebol de Veteranos no povoado Campestre


A Prefeitura de Cocal, por meio da Superintendência Municipal de Esportes, realizou, nesse domingo (15), o tradicional quadrangular de futebol de veteranos no Povoado Campestre, zona rural do município.

O prefeito Rubens Vieira e demais autoridades municipais acompanharam as partidas que fazem parte da programação dos festejos de São Sebastião, que acontece entre os dias 11 e 20 de janeiro. “É um momento de integração entre os atletas locais e a população em geral que participa dos festejos de São Sebastião. Além disso, é uma iniciativa de valorização que contribui para o desenvolvimento do esporte e a constante busca de melhorias dos espaços de lazer no município", ressalta o prefeito.

Neste ano, participaram do quadrangular as equipes Campestre, Tabajara, Nova Aliança e Sete de Setembro. No primeiro confronto, a equipe do Nova Aliança venceu o Tabajara por 1 a 0. Campestre e Sete de Setembro ficaram no empate por 1 a 1 no tempo normal, mas, nos pênaltis, a equipe do Campestre venceu por 4 a 2. Na final do quadrangular, o time do Campestre venceu o Nova Aliança por 3 a 0.

Na classificação final, Campestre conquistou o primeiro lugar, seguida pela equipe do Nova Aliança, restando o terceiro lugar para o Sete de Setembro e o quarto lugar para o Tabajara.

Fonte: ASCOM

Indenizações das vítimas de algodões sairá após 8 anos

Oito anos após a tragédia na Barragem de algodões as vítimas irão receber as indenizações do governo do estado. O deputado estadual Marden Menezes (PSDB) luta desde 2009 para ajudar as famílias vítimas dessa tragédia, e amenizar o sofrimento de inúmeras famílias.
“Sempre lutei para essas vítimas serem ressarcidas e parece que finalmente elas vão receber as indenizações devidas. Lógico que nenhum valor vai repor o que foi perdido na tragédia, mas pode reparar alguns danos materiais”, destaca Marden.
O Governo do Estado enviou no último semestre de 2016 uma decisão em que libera as indenizações para as vítimas de algodões. No entanto, para adequar os anseios das vítimas, o deputado Marden Menezes emendou o texto da decisão do governo do estado para as indenizações das vítimas de algodões.
O deputado estadual solicitou que a indenização seja paga a cada vítima em até 30 parcelas, finalizando em dezembro de 2018; que o valor seja reajustado anualmente conforme o Índice Nacional de Preços ao consumidor Amplo Especial – IPCA-E IBGE.
O presidente da Associação das Vítimas da Tragédia de Algodões, Corsino Medeiros, afirma que o sentimento será de vitória quando a indenização, de fato, sair. “Durante esses anos recebemos uma pensão alimentícia simbólica do governo do Estado, que nos ajudou, mas esperamos que a indenização saia logo para poder reparar de fato alguns danos”, comenta.Muitos agricultores viviam no entorno da barragem. O agricultor Felipe Portela lembra que nunca esqueceu o dia do acidente, onde ele foi arrastado por 400 metros pela água e nove pessoas da sua família morreram. "Foi um momento triste, transformou tudo que era bom em lama. Perdi tudo e espero receber a indenização para recomeçar, depois de quase dez anos”, destaca.

Rompimento da Barragem de Algodões

A barragem de Algodões, localizada a 250 km da capital, se rompeu em uma quarta-feira chuvosa deixando estragos irreparáveis em milhares de famílias. As águas arrastaram casas, postes e árvores. Inundaram 50 quilômetros da cidade de Cocal da Estação e chegaram a 20 metros de altura. Pelo menos 500 casas foram destruídas. Toda a água represada pela barragem, 52 milhões de litros, escoou sobre a cidade, varrendo o vale ao lado do rio e deixando rastro de lama.
O rombo na parede da barragem foi de cerca de 50 metros, segundo o Governo do Estado. A cidade de Cocal da Estação, que tem cerca de 30 mil habitantes, ficou sem energia elétrica, que teve de ser cortada porque dezenas de postes de iluminação foram arrastados, causando risco à população. Também foi cortado o abastecimento em Cocal dos Alves, que tem cerca de 5 mil moradores.
Lavouras foram completamente destruídas, inúmeros animais morreram. Vidas foram perdidas.

Paiva Filho (piripiri 40 graus.com)

Novos representantes do Serviço de Convivência e Bolsa Família são escolhidos em Cocal

O Conselho Municipal de Assistência Social de Cocal realizou, no último dia 10 de janeiro, uma Assembleia Geral para a escolha dos novos representantes do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV) e do Programa Bolsa Família (PBF) do município.
Participaram da assembleia representantes do Sindicato dos Trabalhadores Rurais, Apae, Pastoral da Criança da Igreja Católica, Associação de Moradores João Mendes e representando da sociedade civil organizada os usuários das políticas públicas de Assistência Social.
Durante o encontro, Francisca Carmina de Sousa foi escolhida como representante do SCFV, e Fabiana Pereira de Aguiar para o PBF.
“Nesse primeiro momento foram escolhidos dois representantes para Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos e do Programa Bolsa Família. Foi estabelecido ainda um prazo até segunda-feira (16) para que o Sindicato dos Trabalhadores Rurais, Apae, Pastoral da Criança da Igreja Católica e Associação de Moradores João Mendes indiquem um titular e suplente que irão compor o Conselho Municipal de Assistência Social”, explica Salete Pereira, presidente do Conselho Municipal de Assistência Social de Cocal.
A posse dos novos membros do Conselho Municipal de Assistência Social de Cocal deve ocorrer até o final do mês de janeiro.

Fonte: ASCOM

quarta-feira, 11 de janeiro de 2017

Rubens Vieira assina convênio de R$ 390 mil para estradas na zona rural de Cocal


O prefeito de Cocal, Rubens Vieira, assinou, nesta quarta-feira (11), um convênio para a construção de estradas vicinais na zona rural do município. Os recursos, da ordem de R$ 390 mil, são oriundos de emenda parlamentar do senador Ciro Nogueira (PP-PI), por meio do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, e irá beneficiar as localizadas Vídéu e Santo Hilário.
De acordo com Rubens Vieira, o trecho de 16km vai beneficiar cerca de 400 famílias das duas localidades. “É uma reivindicação antiga pleiteada por nós que chega em boa hora para essas comunidades. É uma conquista que nos deixa muito contente e que será de fundamental importância para a população que contará com melhores acessos e mais qualidade de vida”, comemora.
O prefeito explica que o município de Cocal tem uma extensa malha de estradas vicinais e que só através da captação de recursos externos e celebração de convênios junto ao Governo Federal é possível proporcionar grandes obras de mobilidade.
“O senador Ciro Nogueira tem se empenhado em garantir a vinda de recursos para Cocal, principalmente nos setores da infraestrutura. Ações desse tipo fortalecem nosso município e causam grande impacto em toda a região ao fornecerem condições de desenvolvimento, uma vez que viabiliza o crescimento do fluxo de pessoas entre as localidades e a sede do município, bem como a circulação de bens e serviços”, finaliza.

ASCOM

Rubens Vieira diz que novos prefeitos precisam ter prudência


Rubens Vieira, Prefeito de Cocal | Foto: Lucas Dias/GP1

Em entrevista ao GP1, o prefeito reeleito de Cocal, Rubens Vieira (PSDB), afirmou que os que estão assumindo a gestão dos municípios precisam ter bastante prudência devido à crise financeira e disse ser favorável a PEC dos Gastos Públicos aprovada pelo Governo Federal.
Para os novos prefeitos, Rubens afirmou que eles precisam ter muito cuidado na realização dos gastos. “O conselho que eu dou hoje aos novos gestores é que eles tenham pé no chão. Tem que ter muita força de vontade e determinação porque não vai ser fácil conseguir controlar o município financeiramente e é preciso expor para a população a situação do município, pois pode ter certeza que vai ter apoio para poder ajudar deslanchar”, afirmou.
Ele também acredita que a PEC dos Gastos Públicos vai ajudar a população. “Na realidade ainda não se pode ter uma previsão exata sobre essa PEC, mas sempre digo que como gestor você também não pode gastar mais do que arrecada. Então se o governo federal está hoje limitando gastos, você imagina um estado e um município. Acho que são medidas duras, antipopulares, mas que vão ser para o benefício da população”, destacou.
Rubens Vieira foi reeleito prefeito de Cocal e explicou que o município tem crescido na sua gestão. “Na realidade já temos um trabalho de quatro anos no município onde a gente transformou a realidade dele. Pegamos do zero. Tinham salários atrasados, não tinham uma obra de infraestrutura, a cidade estava suja, então a gente reconstruiu ela. Esperamos desse novo mandato dar continuidade ao trabalho que a gente tem feito à frente do município na área da saúde educação, da infraestrutura, da limpeza pública que é importante e dar uma melhora na qualidade de vida para a população de Cocal”, disse.

Fonte: Portal GP1
Via Blog do Coveiro

Cocal dos Alves: prefeito relata situação calamitosa do município e fala em esforço redobrado para honrar compromissos



Em entrevista a uma emissora de TV da capital nesta quarta-feira (11), o prefeito de Cocal dos Alves, Osmar Vieira, relatou que recebeu o município com muitas dificuldades nas áreas da Saúde, Educação, além de problemas estruturais nos prédios da gestão municipal.

“Na Saúde, até os remédios básicos fornecidos pela rede municipal estão indisponíveis. Nossos índices de educação são bons pelo esforço conjunto de professores, diretores e alunos, porque, estruturalmente, a situação das nossas escolas é lamentável. O prédio da Prefeitura alaga sempre que chove”, relata Osmar Vieira, destacando, ainda, que o município ficará sem as parcelas de janeiro, fevereiro e março do Fundo de Participação dos Municípios por conta dos débitos previdenciários junto à Previdência Social, com valor superior a R$ 700 mil, deixados pela gestão passada.

Apesar das dificuldades, Osmar Vieira se mostra confiante e fala em um esforço redobrado para organizar o município e buscar recursos para obras e investimentos, principalmente nos setores da Saúde, Educação e Infraestrutura.

“Não vamos ficar apenas lamentando. Fomos eleitos porque o povo confia que nosso trabalho vai fazer com que Cocal dos Alves retome o caminho do desenvolvimento. Já estamos buscando recursos por meio de emendas parlamentares, vamos readequar o município para celebrar convênios com os governos Estadual e Federal e pedir atenção especial do governador Wellington Dias para que nossa cidade possa sair dessa situação”, conclui.


Assessoria de Comunicação

Assembleia define entidades que comporão Conselho Municipal de Assistência Social de Cocal



Na manhã desta terça-feira (10), foram escolhidas as entidades que vão compor o Conselho Municipal de Assistência Social de Cocal (CMAS) para o biênio 2017/2018. A Assembleia aconteceu na sede do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) e reuniu representantes do poder público e entidades não-governamentais.
O objetivo do Conselho é avaliar, analisar a aplicação correta dos recursos e definir metas sobre a política de Assistência Social. É composto por um total de 20 pessoas, sendo 10 titulares e 10 suplentes.
Ao final da Assembleia, ficaram definidas as seguintes entidades: Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE), Associação de Moradores do Povoado João Mendes, Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Cocal e Pastoral da Criança, que sua por sua vez, também representa a igreja Católica, além da representação do Bolsa Família.
De acordo com a secretária municipal de Assistência Social de Cocal (SMAS), Deuzenir Portela, a pluralidade e a participação do Conselho é fundamental para o planejamento e acompanhamento de todas as atividades desenvolvidas pela pasta no município. Para ela, a pronta resposta ao chamado para participarem da Assembleia é uma prova do interesse dos usuários das políticas públicas em Assistência Social.
“É muito gratificante ver o reconhecimento e a força de vontade do povo cocalense de colaborar com a secretaria a desenvolver o seu papel. É de extrema importância que o Conselho acompanhe nosso trabalho, saiba como estamos investindo, quais são os gatos, etc. E por isso, quero agradecer às pessoas que fizeram parte da gestão 2015/2016 e às entidades que hoje atenderam ao nosso chamado”, destaca.
Para Deuzenir Portela, a efetividade e os resultados positivos obtidos ao longo do ano, através da parceria entre Secretaria e o Conselho é decorrente do conhecimento que essas entidades têm sobre seu papel social. “É um órgão muito participativo e o nosso maior cuidado ao fazer essa Assembleia foi frisar bem a importância dessas instituições. São parceiros que sabem qual é o seu papel, suas responsabilidades e que levam o nome da Assistência social para onde quer forem”, conclui.
O CMAS é um órgão deliberativo, consultivo e fiscalizador, composto por membros da Sociedade Civil e do Poder Executivo Municipal, formado por cinco representantes indicados pelos órgãos que compõem a administração municipal e cinco representantes de entidades da sociedade civil, cada um deles, com seus respectivos suplentes.
O próximo passo do processo de formação do Conselho é a indicação dos representantes de cada entidade, que serão selecionados em assembleias internas para então serem oficializadas como representantes do Conselho. A etapa final é a indicação dos representantes do poder público pelo prefeito Rubens Vieira.

ASCOM | PMC

terça-feira, 10 de janeiro de 2017

Prefeito Rubens Vieira se reúne com diretoria do Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais

O prefeito de Cocal, Rubens Vieira, recebeu, nesta terça-feira (10), diretores e delegados do Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais do município para renovar a parceria entre o Sindicato e a Secretaria Municipal de Agricultura.
Na oportunidade, o grupo felicitou o prefeito pela renovação do mandato, no qual espera-se a mesma sintonia construída ao longo dos últimos quatro anos e a continuidade das ações e projetos de valorização do homem do campo para o desenvolvimento das atividades dos produtores rurais do município.
O prefeito agradeceu a visita e ressaltou a manutenção das ações que já são realizadas, como o pagamento em dia do Seguro Safra, a entrega de dois tratores ao Sindicato e a distribuição de milho da Conab a um custo mais baixo.
“Fiquei muito feliz com o encontro. Foi uma visita de cortesia para estreitar os laços e fortalecer o trabalho que já vínhamos fazendo com os trabalhadores rurais. É uma parceria que está dando muito certo e tem beneficiado milhares de agricultores do nosso município”, diz o gestor.

ASCOM | PMC

sábado, 7 de janeiro de 2017

Cocal dos Alves: prefeito Osmar Vieira participa da posse da nova Diretoria da APPM



 
O prefeito de Cocal dos Alves, Osmar Vieira, participou, nesta sexta-feira (6), da solenidade de posse da nova Diretoria da Associação Piauiense de Municípios (APPM), realizada na sede da instituição, em Teresina.
 
A cerimônia oficializou a posse da chapa encabeçada pelo prefeito de São João do Piauí, Gil Carlos Modesto, como presidente, e do prefeito de Água Branca, Jonas Moura, como vice-presidente. A chapa foi a única registrada para a disputa e conquistou o voto de 136 prefeitos para o comando da instituição no biênio 2017-2018.
Na oportunidade, Osmar Vieira parabenizou os eleitos, desejou sucesso à nova Diretoria e afirmou que a entidade deve seguir trabalhando pelos interesses do municipalismo.
“Precisamos nos unir, especialmente nesse momento de dificuldades econômicas. Juntos, poderemos conquistar mais recursos, projetos, ações e parceria da APPM é vital para esse trabalho. Desejamos sucesso ao prefeito Gil Carlos, ao vice Jonas Moura e a todos os demais membros da Diretoria neste ciclo que se inicia”, conclui.
 
ASCOM